Benfica consegue vitória ao cair do pano

Que grande jogo de futebol, jogo muito disputado e com incerteza no resultado até ao fim da partida. O Benfica venceu, nesta noite de terça-feira, o Famalicão por 3-2 em jogo da primeira mão da meia-final da Taça de Portugal, com o golo do triunfo a chegar já nos descontos.
Uma primeira parte com oportunidades de lado a lado, mas sem nenhum golo, foi com o resultado em 0-0 que as equipas recolheram ao balneário, embora o resultado não espelhe a qualidade do jogo até aqui, onde só falhou a finalização.
Nos segundos 45 minutos houve cinco golos, o primeiro foi obtido de penalti a favor dos encarnados, concretizado por Pizzi, mas a resposta foi imediata com um golo de nota artística de se lhe tirar o chapéu, o capitão do Famalicão, Pedro Gonçalves ultrapassou vários adversários e tabelou com Diogo Gonçalves e finalizou para o empate da partida. O Famalicão continuou a carregar, demonstrando o porquê de estar a fazer um belíssimo campeonato e voltou a marcar pelo ponta de lança Toni Martinez, operando assim a reviravolta no marcador.
Mas o jogo continuou num ritmo alucinante e passados 5 minutos o Benfica restabeleceu a igualdade através do suplente Rafa Silva. Quando tudo parecia que o jogo ia terminar empatado, pois estávamos no último minuto dos 5 concedidos pelo árbitro, há um pontapé de canto a favor dos encarnados que resulta no golo de Gabriel, que cabeceou para dentro da baliza defendida por Vaná, no último suspiro de um grande jogo de futebol.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *